segunda-feira, junho 30, 2008

Bónus
Agora é muito moderno e mais a regra do que a excepção dar um brinde com qualquer compra – compra-se um jornal e traz um DVD gratuito, compra-se um aspirador e oferecem uma torradeira, investe-se um apartamento e oferecem um fim-de-semana fora com tudo pago, enfim coisas assim.
Entretanto houve um vendedor de automóveis da Max Motors no estado do Missouri nos Estados Unidos da América (where else?), Mark Muller, que inventou um novo conceito, inicialmente como protesto em relação à opinião pública preconceituosa de um dos candidatos democratas à presidência, o Barack Obama, que parece que disse que o pessoal do Midwest americano só quer é armas: compre um carro e ganha um revólver. Aliás, segundo a Reuters, os clientes até têm a escolha entre um revólver e um cartão de abastecimento de combustível no mesmo valor ($250), mas como os americanos, como já se sabe, são uns cowboys, todos vão pelo revólver. O vendedor de automóveis recomenda um Kel-Tec .380.
Desde que começou esta campanha, o número de vendas de automóveis aumentou consideravelmente.
Conclusão: o pessoal do Midwest americano pelos vistos só quer é armas :-)

domingo, junho 29, 2008

Partida
E agora está quase: daqui a algumas horas temos de fazer rumo ao aeroporto de Copenhaga para apanhar o vôo da tarde da TAP com destino a Lisboa.
Portanto toca a arrumar as últimas coisas na mala, e não esquecer o essencial – o cartão de crédito, as passagens e o passaporte, que o resto logo se arranja se for esquecido cá em casa.
O que eu antecipo voltar a ver familiares e amigos e lugares preferidos e ver lugares novos talvez; e voltar a provar sardinhas assadas, pão de Mafra, bom vinho, queijadas e pastéis de nata!!! :-)
Tchauzinho, pessoal!

sábado, junho 28, 2008

Gato por lebre
Creio que toda a gente conhece a desagradável situação de lhe ter sido ”enfiado o barrete”, como se costuma dizer na gíria popular. Ainda assim, pelo menos a meu ver, há trapaças piores ou de mais mau gosto (ou será ”de pior gosto”?) do que outras. Como a que li há tempos sobre um vigarista na cidade de Zvishavane, no Zimbabwe (não, por acaso nem me estou a referir ao pilantra do Mugabe) que se aproveitou da escassez de produtos alimentares como o óleo para fazer uns cobres: como? Bem, segundo o news.com.au o tipo pegou numa quantidade de garrafas de plástico (e aviso-vos já que não leiam mais se estiverem a comer, só para evitar engasgos e tal…) e encheu-as de… urina, que vendeu como sendo óleo alimentar.
Felizmente que alguém se deu conta da patranha (e como não?…) e o charlatão foi levado de cana.

Mas isto lá passa pela cabeça a alguém, ó meu?!

sexta-feira, junho 27, 2008

Quase, quase, quase de férias
He he he: daqui a precisamente seis horitas entro de férias! Três semanas bem merecidas só de descanso que me vão fazer tremendamente bem. Conto evitar as grandes emoções e qualquer tipo de stress.
A ver vamos se vou conseguir passar por aqui diariamente, como é costume.
Se não nos virmos: muito bom Verão para todos, malta!

quinta-feira, junho 26, 2008

Já férias (quase)
Bem, entretanto para mim já estou praticamente de férias:
· Ou não tivesse terminado ontem uma tarefa das grandes que já se arrastava há 3 semanas lá no emprego
· Ou não tivéssemos tido cá jantarada com um grupo de amigos até às tantas da noite em dia de semana – comeu-se, bebeu-se bom vinho (e lembrem-se da oferta no supermercado Føtex só esta semana, pessoal!), conversou-se sobre planos para as férias, o nascimento de uma ”sobrinha” que está para bem breve (e a futura mãe estava com um óptimo aspecto!), etc. e tal, ouviu-se música e houve muita risota – e não foi difícil esquecer que hoje ainda era dia de trabalho ;-)
Deixo-vos com a frase da noite, que tem direitos de autor e só tenho pena de não ter sido eu a proferir: ”esta carne está tão tenra, que até se comia bem com as sobrancelhas” :-D

Beijocas e bom Verão, pessoal bacano!
(fotos: vida de praia)

quarta-feira, junho 25, 2008

Contagem decrescente
He he he… as férias aproximam-se a largos passos – já só faltam mais 3 dias! Três dias para largar tudo quanto seja responsabilidade, deveres e horários durante três semanitas. Vão-me saber TÃO bem!
Este ano contamos passar as duas primeiras semanas por terras lusitanas. E na última semana vai ser um de casa à praia-da praia a casa sem parar, uma das grandes vantagens de termos a praia a poucos passos de casa.
Mal posso esperar!…
(foto: vida de praia)

terça-feira, junho 24, 2008

Novidades
Quem é que disse que a sorte me tinha abandonado, quem foi?... (he he he, creio que fui eu, mas não interessa…)
Apresento-vos o nosso novo computador, o Acer Aspire 8920 Notebook, portátil, e que sabe fazer tudo e mais alguma coisa!!!! :-D A Microsoft não foi lá uma grande ajuda – já não prestam auxílio aos coitados que ainda têm Windows 98 – os 3 ou 4 de nós… :-S – logo lá tivémos que ir comprar um computador novo.
Isto é que vai ser explorar nos próximos tempos, he he. Nem tempo tive para fogueiras de S. João, com este novo “brinquedo” :-)
(fotos: vida de praia)

segunda-feira, junho 23, 2008

Emoções fortes e S. João
Parte 1 – as tais emoções fortes
O concerto dos Duran Duran ontem foi absolutamente fenomenal! Os cinco rapazes de Birmingham menos um estão de parabéns por continuarem numa excelente forma.

Que experiência incrível, fora de série mesmo! Os amigos com que fomos e o meu cara-metade preferiram ficar nas bancadas; eu, porém, gosto de apanhar todos os detalhes e tive a sorte tremenda de ficar logo na primeira fila, com vista exclusiva e directa para os meninos. E atrás de mim e à minha volta o público foi delirando com os clássicos – The ReflexHungry like the WolfGirls on FilmPlanet EarthSave a PrayerA View to a Kill RioWild Boys, etc. e tal – e eu a dançar e pular à doida e a cantar em altos berros e a delirar com eles, claro!

video

Até as músicas do novo album, Red Carpet Massacre, já iam de boca em boca.
Pelos vistos a idade só lhes tocou muito ao de leve – que energia contagiante e presença em palco! E que borrachos que continuam a ser o John e o Simon! Gorgeous!!!
O concerto dos Duran Duran ontem à noite já pertence entre os momentos mais inesquecíveis e emocionantes da minha vida. Muito, mas muito melhor que The Beatles, The Rolling Stones, os Led Zeppelin, Jimi Hendrix, os Deep Purple, os Black Sabbath, The Who e Frank Zappa.

Her name is Rio
And she dances on the sand
Just like that river twisting through a dusty land
And when she shines she really shows you all she can
Oh Rio Rio dance across the Rio Grande
Parte 2 – noite de S. JoãoSe hoje à noite fizer bom tempo vamos então para praia espantar bruxas e fantasmas… ;-D
(fotos e vídeo: vida de praia)

domingo, junho 22, 2008

Concerto hoje à noite
(ainda sem internet própria... :-S - tive de dar mais um saltinho ao emprego, porque sem blogar é que não passo ;-D)
Nem me lembro bem como começou o meu fascínio pelos Duran Duran, mas tinha eu os meus 13-14 anos na altura, creio. Toda a minha modesta mesada era gasta em revistas como a Bravo, de onde extraía mil e um posters e informações sobre a banda e os seus membros – John Taylor, Simon Le Bon, Roger Taylor, Andy Taylor e Nick Rhodes – e nos Lp’s e singles da banda. Também não perdia um teledisco nos programas da altura sobre os tops do pop e sabia as músicas todas de cor.
Entretanto não me lembro se os rapazes se chatearam ou se apenas quiseram tentar lançar outros projectos, mas a certa altura dividiram-se e formaram os Arcadia e os Power Station e apartir daí pelos vistos já não havia salvação possível para a banda original e em 1989 o Andy e o Roger deixaram definitivamente a banda, sendo substituidos por novos membros. Vendo os Duran Duran amputados daquela forma e não conseguindo ir à bola com a cara dos novos membros, perdi o interesse e deixei de segui-los.
Na altura só tive pena de não ter tido oportunidade de os ver dar um concerto ao vivo.
Felizmente para mim que os 5 rapazes de Birmingham aproveitaram a interminável onda de reuniões de bandas e se voltaram a reunir com todos os membros originais por volta do ano 2000 – o que eu só vim a descobrir no ano passado, depois até do Andy ter voltado a ”desertar”. Hoje à noite – FINALMENTE – vou ter oportunidade de me dar à nostalgia dos anos 80 no concerto que vão dar aqui em Copenhaga, no legendário KB Hallen, onde já passaram outros nomes igualmente famosos como The Beatles (1964), The Rolling Stones (1966), os Led Zeppelin, Jimi Hendrix, os Deep Purple, os Black Sabbath, The Who e Frank Zappa.
Mal posso esperar!
(foto abaixo: vida de praia)

sábado, junho 21, 2008

É Verão!
Se estão a estranhar a tardez da minha passagem pela sacola hoje, nem é por ser fim-de-semana; não: a sorte, esta minha amiga e inseparável companheira das últimas semanas, e eu zangámo-nos quando ela me deixou a ver navios de repente e me desamparou numa péssima altura - e receio que não voltemos a fazer as pazes.
Passo a explicar: o meu pc já é bem velhinho (ou já ouviram falar do Windows 98?!… Não pois não? É uma relíquia) e como volta não volta andava com problemas, ontem à noite tive a brilhante ideia (NOT!!!) de voltar a formatar a harddrive e instalar tudo de fresco. Até aí tudo bem; o problema é que apesar de ter tentado tudo e ter ligado várias vezes para a support hotline, não consigo ter acesso à internet.
Já desesperei, já me fartei de chorar e de andar às voltinhas feita galinha tonta. Para vos vir dizer olá tive portanto de passar aqui pelo emprego. Agora o meu cara-metade já prometeu falar com a Microsoft Segunda-feira e se isso também não der em nada, vamos ter de comprar um computador novo... a ver vamos no que isto dá...
... mmmm... (estou a pensar) “se isso também não der en nada, vamos ter de comprar um computador novo”... será mesmo que a sorte me abandonou por completo?... Estão a perceber? ;-)
Enfim, mas nem era isto que eu queria dizer hoje...Hoje queria mais é celebrar o facto de ter começado hoje a época estival.
Já temos temperaturas upa, upa e noites com mais claridade há mais de um mês, mas não é menos caso para anunciar que o Verão começa oficialmente hoje!
Yeeeeeeeeeeeeeeeees!
Um olázinho oficial aos dias e tardes de praia, às chanatas e sandálias, às saias e calções e aos gelados - e ao pé descalço. Que saudades que eu tive de todos vocês!… ;-)
Era isto que eu queria dizer hoje.
(fotos: vida de praia)

sexta-feira, junho 20, 2008

1-2-3... agora!
Mais uma história vinda do fascinante universo masculino. Estou a referir-me àquele complexo assunto de muitos homens aparentemente terem dificuldade em... - como dizê-lo sem ferir a sensibilidade de ninguém?... - acertar no buraco da sanita quando estão a urinar em pé. Não sei se são os mesmos homens que não são nada bons a jogar ao dardo que também requer pontaria ;-)
Mas segundo a Reuters, pelos vistos alguém – mais precisamente Werner Dupont e Bart Geraets, dois belgas amantes de cerveja e com experiência no campo do desenvolvimento de software - se sentiu mais frustrado ou consigo próprio ou com os demais e tem estado a trabalhar para resolver este problema.E desenvolveram para o efeito um jogo de computador (I kid you not!) chamado “Place to Pee” (traduzido à letra: “Lugar para Mijar”), que teve estreia no mais recente festival de cerveja de Arendonk. Durante o jogo o participante pode escolher entre disparar contra o maior número possível de marcianos, fazer ski de slalom ou votar num dos candidatos democratas à presidência dos Estados Unidos, enquanto se esforça para que o seu esguicho de urina (estive quase para o apelidar de repuxo, mas enfim, isso já seria um tanto ou quanto dramático...) acerte en sensores localizados dentro da sanita; e quanto melhor acertar nos sensores, melhor se sai no jogo.
Duvido que resulte, mas 8 pontos pela criatividade ;-)
Place to Pee” também pode ser jogado por mulheres, mas requer acessórios especiais...

quinta-feira, junho 19, 2008

:-S
Chuif... chuif…
Para além dos golos dos nosso Nuno Gomes e do Postiga, a melhor parte do jogo de hoje à noite foi o intervalo, a única altura em que relaxei e não me fartei de sofrer e suar.
Os nossos rapazes estão de parabéns!
Portugal au revoir – et a bientôt.
Agora há que começar já a pensar no Mundial (e espero do fundo do coração que os alemães levem uma coça neste Europeu!…)
(foto abaixo: Scanpix)

Collie ambientalista
Imagino que quem saiba de cães os possa treinar a fazer tudo e mais alguma coisa, desde as coisas mais simples e triviais como ir a correr atrás de bolas e galhos, até às actividades mais complexas, que requerem talvez mais paciência e esforço também da parte do dono.
Mas será que há cães, mais inteligentes que a média talvez, que já nascem ensinados? É que parece ser exactamente este o caso de Billy, um Border Collie (que segundo as minhas pesquisas é uma raça de cão muito inteligente, ágil, perfeccionista e com gosto de agradar) de 5 anos de idade de Brynithel, no País de Gales: segundo o seu dono, desde muito cedo que demonstrou interesse por um ambiente melhor; recusa-se a ir buscar galhos que lhe foram atirados, mas adora apanhar as garrafas e latas vazias e outro lixo que encontra pelo caminho, quando ele e o dono, Rob Jarret, vão dar uma volta e que deixa em frente ao contentor do lixo.
Para finalizar, um apelo ambientalista: se o Billy pode, qualquer pessoa pode ;-D

***
Ah, e força aos nossos rapazes nos quartos de final do europeu hoje à noite contra a Alemanha.
Go Tugas! Go Tugas!

quarta-feira, junho 18, 2008


Burger Deluxe
Não sou nada apreciadora de burgers e há anos que não entro num McDonald’s. Portanto o que aqui vou revelar talvez seja até do conhecimento comum e só uma novidade para a ignorante da minha pessoa: sabiam que um hambúrguer não é necessariamente apenas um hambúrguer? E que não é necessariamente baratucho – o que eu pensava ser a razão da sua existência?
Pois é verdade: li há dias um absurdo, nomeadamente que em Nova Iorque, onde tudo já de si é caro, se pode comer o hambúrguer mais caro do mundo. O restaurante The Wall Street Burger Shop faz questão de ter no seu cardápio o Richard Nouveau Burger (nas fotos), que custa 175 dólares (segundo os meus cálculos 120 €) e consiste de carne de vaca de alta qualidade (da raça Kobe), queijo gruyère envelhecido exclusivo, 25 gramas de trufas negras, foie gras, maionese douradinha de trufas e cogumelos selvagens – e a este preço folha de ouro, não???…
...
E não é que o burger de luxo leva mesmo folha de ouro??!
Mas será saudável?… Ok, estamos a falar de burgers e tudo é relativo, mas estou a referir-me ao aspecto da ”talha dourada”, é claro.
O restaurante em questão diz vender entre 20 e 25 destes hambúrgueres de luxo por mês...
... cada maluco com a sua mania...
(fotos: Mendez Mayita)

terça-feira, junho 17, 2008

Mais conversas pseudo-científicas
Há muito tempo que o meu cara-metade e eu não tinhamos daquelas conversas que de científicas só têm mesmo o cheiro. Mas há dias, já nem me lembro a propósito quê... ah, sim, já me lembro, estavamos a saborear um belo frango de churrasco, veio-me ele com a seguinte pergunta:
- (ele): “que tipo de animal será um frango?
- (eu): “uma ave, claro.
- (ele): “mas as aves voam e as galinhas não.
- (eu): “as avestruzes também são aves e não voam. Já para não falar nos pinguins. E os peixes voadores voam, mas não são aves, portanto...
- (ele): “mas o que definirá as aves?
- (eu): “têm penas e bico e reproduzem-se por ovos.

Isso dos ovos deu logo azo a mudança de tópico:
- (ele): “mas os répteis põem ovos...
- (eu): “sim, mas não têm penas, he he...
- (ele): “as serpentes serão répteis?
- (eu): “claro. E os lagartos também. E se calhar até os jacarés.
- (ele): “e o que definirá os répteis?
- (eu): “têm sangue frio, uma língua biforcada e mudam a pele um tanto ou quanto escamosa quando querem crescer.

E das escamas passámos, é claro, aos peixes:
- (ele): “mas os peixes também têm escamas.
- (eu): “sim, e reproduzem-se por ovos tal como os répteis; mas respiram por guelras. Logo, o tubarão é um peixe, mas as baleias e golfinhos não são; são mamíferos.
- (ele): “mamíferos? Mas nadam e vivem na água.
- (eu): “sim, mas dão à luz, tal como os mamíferos, e dão de mamar às crias, tal como os mamíferos; e respiram por pulmões.
- (ele): “digam o que disserem, para mim as baleias têm aspecto de peixe e por conseguinte são peixes e mais nada!...Claro que tivémos de passar pelos insectos.
- (ele): “e o que definirá os insectos?
- (eu): “isso já é mais difícil, porque uns têm asas e outros não.
- (ele): “um escorpião enorme será um insecto?
- (eu): “claro. Não tem nada a ver com o tamanho, he he. Na Amazónia é tudo grande.
- (ele): “mas o que será um insecto então?
- (eu): “ah, já sei!: os insectos têm pelo menos 6 patas.

Claro que como é costume tivémos de acertar teimas com a Wikipedia, e não estava muito longe das definições correctas. E se quiserem podem ler lá mais precisamente o que são aves, répteis, peixes, mamíferos e insectos.
Mas sabiam que a aranha nem sequer é um insecto? Esta é nova pelo menos para mim...
... humpf... digam o que disserem, a aranha é e há-de ser sempre um insecto!

segunda-feira, junho 16, 2008

Palavras geniais
Há palavras tão fantásticas e que condizem tão bem com os objectos a que dão nome, que deviam fazer parte do vocabulário e imaginário de toda a gente. Já aqui falei da palavra “ornitorrinco”, por exemplo. Também podia ter escolhido “paralelipípedo”.
Outra palavra que acho ser das tais é “Jacaranda”. Conhecia-a de ouvido, mas não fazia ideia do que era. Até virmos de Lisboa intrigados com as suas árvores de alameda com cachos de flores azuis. Nenhum de nós lhes sabia o nome, e o meu marido que nunca se acanha perguntou a vários transiuntes lisboetas que também não o sabiam e que pelo seu ar devem ter pensado que estavam a participar num programa de câmara oculta, nos apanhados.
Entretanto há dias fomos dar uma volta pelo jardim botânico em Copenhaga. Eu, como é costume, ia de máquina fotográfica atrás, e aí o meu cara-metade voltou a lembrar-se das árvores lindíssimas que tinhamos visto em Lisboa e decidiu perguntar – se alguém havia de saber que árvores eram, era ali; lá pus uma das fotos no display e explicámos onde as tinhamos visto. “Creio que são Jacarandas”, disse o perito, “são frequentemente usadas no sul como árvores de avenida”.Jacaranda!
Jacaranda!
Jacaranda!... Mas que palavra linda, exótica, poética, melodiosa!
Quando chegámos a casa verificámos na Wikipedia: parece que as Jacarandas são muito comuns na América do Sul, na Florida, na Austrália, no Zimbabwe e África do Sul. Mas Lisboa também não fica atrás :-) Florescem na Primavera e segundo li até há um ditado: que é tarde demais para estudar para os exames quando a Jacaranda já está em flor.
Quando voltarmos a Lisboa – e já faltou mais - vou ter imenso prazer em pensar: “estou a passear à sombras das Jacarandas”!
(fotos: vida de praia)

domingo, junho 15, 2008

Indy IV
E depois de um ícone dos anos 80 Sexta à noite, ontem à tarde fomos lançados a outro – apesar das críticas mistas fomos ver o Indiana Jones IV: o Reino da Caveira de Cristal. Impecável divertimento como sempre: um Harrison Ford cheio de genica e boa disposição, equipado com o indispensável chapéu e de chicote sempre à mão, muita acção, bicharocos meio perigosos e malfeitores que para ser nos conformes claro que são russos e tremendamente mauzões e se fartam de levar porrada do nosso herói – a receita perfeita para uma tarde bem passada no escurinho do cinema :-)
A recomendar!
Indy Jones forever!

sábado, junho 14, 2008

Um belo dia
E para provar o que vos afirmei ontem, nomeadamente que Sexta-feira 13 não precisa de ser um dia em nada azarado ou de maus agoiros – e continuando na minha “onda” – vejam só o que me aconteceu ontem: nós costumamos ir às compras para a semana à Sexta-feira à tarde, e ontem fizémo-lo como era costume. Não estava muita gente no supermercado àquela hora, por isso deixámo-nos ficar nas calmas a verificar a conta mesmo à saída, onde há daqueles quadros de cortiça para afixar coisas. E não é que por acaso olho para um deles e lá vejo afixados dois bilhetes gratuitos para o concerto do Nik Kershaw, um dos grandes nomes da música pop dos anos 80 e que eu até curtia bastante, a realizar horas mais tarde num recinto perto de nós?!
Já tinha visto um placard do concerto, mas nem estava a contar ir, porque já tinhamos gasto dinheiro nos bilhetes para o concerto dos Duran Duran no fim-de-semana que vem.
Sendo assim, ontem à noite fomos ao concerto do Nik Kershaw em Copenhaga :-) Foi fabuloso! E foi e tão giro recordar. E fiquei rouca de tanto cantar em altos berros.
I won’t let the sun go down on me
I won’t let the sun go down
I won’t let the sun go down on me
I won’t let the sun go down

video

(Mmmm... começo a sentir-me ligeiramente como o primo sortudo do Pato Donald, o Gastão... LOL)
(fotos: vida de praia)

sexta-feira, junho 13, 2008

Superstição
Não me importo se um gato preto se atravessa no meu caminho, nem me toca minimamente o facto de ser hoje Sexta-feira 13. Já passar por baixo de um escadote me faz alguma confusão, e evito-o se posso – aliás porque também não é nada prático passar por baixo de escadotes, he he he. Mas pronto, cada um tem as suas pequenas superstições e aceito-as enquanto sendo inocentes.
Agora o que li sobre os rituais de Corpo de Deus na aldeia de Castrillo de Murcia, perto de Burgos, em Espanha chocou-me francamente: o ritual consiste em deixar que homens adultos de trajes garridos vestidos de El Colacho (uma figura que simboliza o Diabo) saltem por cima de um grupo de bebés deitados num colchão, para assim supostamente afastarem o Diabo e influências perniciosas da vida dos infantes, uma vez que o diabo incarnado ao saltar supostamente leva o mal consigo. É uma tradição católica centenária na zona e já celebrada desde 1620 nas festas do Corpo de Cristo.Que queiram afastar o mal, tudo bem; mas ninguém me convence de que este ritual, a meu ver bárbaro, nunca involva perigo para as criancinhas ali deitadas e indefesas… senão vejam lá a reacção de quem suponho ser uma das mães (na foto) ;-)
(fotos: Israel L. Murillo, AP)

quinta-feira, junho 12, 2008


Não façam isto lá em casa
O Verão é por excelência época de churrascos. Se é bem feito, a comida garantidamente sai saborosa, independentemente do que seja; mas é preciso sempre ter muito cuidadinho e muito respeito e consideração quando se trata de lume, senão uma pessoa está tramada.
Segundo o Der Spiegel foi o que aconteceu recentemente a um casal alemão de Kaiserslautern. Tinham convidado um casal amigo para jantar e para ter a certeza que aquilo ia para a frente o anfitrião deitou um copo de gasóleo no churrasco. O que resultou tremendamente bem; aliás, até se poderia discutir que bem demais até – porque entretanto o amigo deixou cair no chão o recipiente onde tinham o gasóleo. O gasóleo foi-se espalhando, começou a pingar da varanda para o tejadilho do carro do anfitrião e este pegou fogo. Numa questão de minutos o fogo alastrou-se ao carro da mulher que estava estacionado mesmo ao lado e a um terceiro carro na proximidade.
Ooops…
Felizmente – e não sei bem como - ninguém se magoou, mas os estragos materiais passaram dos 30.000 €.
Será que algum deles alguma vez se volta a atrever a fazer um churrasco?…

quarta-feira, junho 11, 2008

Portugal 3 República Checa 1
Mais uma gloriosa vitória da Selecção de todos nós neste Europeu, apesar da quantidade de lances perigosos da parte dos brutos – estúpidos, trogloditas! – dos checos, que até ao Petit deram porrada (é pá, o Petit não está habituado a apanhar, só a dar aos adversários que se lhe atravessem no caminho, por isso imagino o choque, ‘tadinho LOL).
Parabéns a todos os nossos rapazes e em particular aos marcadores do dia – o Deco, o CRISTIANO RONALDO e o Quaresma!

Vemo-nos nos quartos de final já na semana que vem! :-D(fotos: getty images, Dimitar Dilkoff © Scanpix e ASF)

Feira de Luxo
Ainda falando de gostos caros, depois do sucesso que foram as Feiras Internacionais para Milionários (Luxurious Millionaire Fairs) em Moscovo, em Cannes e em Amsterdão em 2006 e em Shanghai e Kortijk, na Bélgica em 2007, agora chegou a vez de Munique, na Alemanha, que abriu as portas à mais recente Feira Internacional para Milionários em meados de Maio.
Claro que não é qualquer um que estava convidado; uma pelintra como eu por exemplo não estava. Portanto não tive oportunidade de ver as autênticas extravangâncias lá expostas, como o “Angel of the Stars”, um telemóvel coberto de ouro branco e 1.700 diamantes (na foto acima). “Só” custa a módica quantia de 276.360 dólares, ou seja, o suficiente para me sustentar uma vida inteira ou duas…
... lá terei de me contentar com uma banheira de ouro maciço, ó pááá... :-S
;-D

terça-feira, junho 10, 2008


Originalidade não!…
Eis uma ideia para aquelas pessoas com pouca imaginação e/ou uma grande obsessão ou pancada pelos VIPs: se não sabem o que vestir, ou o que beber, ou que computador ou carro comprar, agora com a ajuda de um novo site, o coolspotters.com, já podem copiar os gostos e preferências do Brad Pitt, do Matt Damon, da Lindsay Lohan, do Al Gore, da Kate Hudson, do George Clooney, da Drew Barrymore, do Barak Obama e das outras estrelas. Neste site podem ver de tudo: o que é que as estrelas vestem, calçam, que carros têm, que óculos de sol preferem, até o sumo favorito.
Conveniente se se tem dinheiro para gostos caros, mas ao mesmo tempo, a meu ver, imbecil. Ou alguém me sabe dizer qual era a parte cool, que eu não apanhei...?